segunda-feira, 31 de outubro de 2011

Hoje é Dia Mundial da Poupança

Ao assinalar-se o Dia Mundial Mundial da Poupança, data que surgiu em 1924, leio no Económico que por cada 10 euros que as famílias ganham, só conseguem poupar 93 cêntimos, de acordo com os dados do Instituto Nacional de Estatística. Não há forma de melhorar isso nos próximos tempos. Resta então diminuir o consumo. Em 2012 viveremos um tempo de "porquinhos magros" , pouco conseguiremos guardar nos nossos mealheiros. A fama dos porquinhos mealheiros vem de longe, parece que surgiu no séc. XV, tempo em que as pessoas guardavam as poupanças em potes de argila e que esta argila barata se chamava 'pygg'. Mais tarde os oleiros começaram a dar aos potes de argila a forma de porco, pig, em inglês. Os porquinhos mealheiros conquistaram o mundo mesmo se os porcos nada guardam para o futuro - por aí, um animal bem mais indicado seria o esquilo que guarda mantimentos em tocas e troncos, ou então no solo, enterrando-os, para fazer face ao inverno. 
Poupar já teve melhores dias. Antigamente os bens eram, de uma forma geral, mais escassos. Eram mais reutilizados, passavam de pais para filhos, de amigos para amigos. Hoje a sociedade de consumo cria a ilusão nas pessoas que tudo tem necessariamente de estar na moda, tudo tem de ser novo. Qual afinal a utilidade do dinheiro? Não serve ele para gastar? Poupar? Mas o que é isso? O dinheiro é como um rio, tem de circular. Se pára, estagna, consome a alma a quem o tem! Esta parece ser a evidência. A economia clama por esta corrente, a publicidade inflama os nossos sentidos com toda a espécie de sugestões, seduz-nos e o cérebro desliga-se!É fácil alinhar com as modas. O sistema financeiro poderia até ter endeusado a poupança se não tivesse chegado à conslusão que tirava maior lucro instigando o crédito. Mais: um Governo só fala muito de poupança quando ficou sem dinheiro para gastar! Verdade ou mentira?!!
E agora é ver tudo a catar cada cêntimo, até o gordo porquinho mealheiro já foi substituído por um galito de Barcelos num recente anúncio da banca - sim, com micro-poupanças não se consegue encher um porco, resta-nos um magro e esverdeado galináceo, grão a grão enche o galo de Barcelos o papo. Neste momento poupar uma parte dos ganhos para usufruir no futuro não passa de um sonho para muitos portugueses. Mas antes disso já era um hábito esquecido. Atravessamos uma boa fase para reaprender a consumir de forma mais consciente. Infelizmente porque não temos alternativa.




Pssst! Leia também esta postagem para descobrir duas plataformas que permitem a doação de bens apara reutilização, uma forma de poupança que faz bem ao bolso e ao ambiente!

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Projectos juvenis Do Something! Faz alguma coisa!


Num blogue onde se escreve sobre fazer coisas, este projeto cai mesmo bem. O Do Something é um projecto que promove a participação cívica e o empreendedorismo nos jovens portugueses através da utilização da Internet como ferramenta facilitadora da ligação de jovens a causas no terreno. Destina-se a  jovens que querem fazer a diferença e tornar o mundo melhor. Com o Do Something eles podem criar um Clube com um grupo de amigos para fazerem projectos sobre uma causa do seu interesse. Os Clubes Do Something são uma oportunidade de assumir a liderança e melhorar a comunidade. O projeto fornece ideias e recursos, mas são os jovens que decidem quais os projetos que o Clube realiza. Podem propor  projectos individuais e receber um pequeno financiamento para os lançar através dos Financiamentos Do Something. No site Do Something estão dicas de acção para colocar ideias em prática sozinho ou com amigos, oportunidades de voluntariado promovidas por associações e pelo próprio Do Something. Podemos SEMPRE fazer alguma coisa, quando resolvermos um desafio, está na hora de partir para outro! O mais importante é agir e fazer alguma coisa AGORA. Do Something!

Malas e acessórios da Tela Bags


A TELA BAGS  é, quanto a mim, um dos mais bem sucedidos projetos portugueses de reutilização de desperdícios. Apareceu em 2006 com um conceito fresco - aproveitar as telas usadas na publicidade para criar acessórios. Tratava-se de accionar uma parceria entre quem usava estas telas - museus, teatros, instituições, empresas diversas, promotores de eventos, impedindo que estes materiais fossem parar ao lixo, dando-lhe um destino útil e criativo. Surgiram as malas feitas em telas, com um design atraente e moderno, colorido e permeado por motivos gráficos associados à informação contida nas telas originais. Não pararam de evoluir experimentando com novos materias: velas de kit surf, papel de catálogos, jornais, revistas de moda e design de interiores, sobras de linóleo...e ainda não pararam. 
A Tela Bags apoia-se ainda em boa comunicação de que são exemplo os anúncios que aqui vos deixo. Têm um outlet onde podem encontrar algumas Tela Bags mais em conta, não deixem de espreitar pois se gostarem da marca pode ser que consigam adquirir uma malinha mais em conta.
Telas usadas para promover exposições transforma-se me malas!
Suportes publicitários transformam-se em malas!
Catálogos de produtos tranasformam-se em malas!
E até os jornais se transformam em malas!
8DEZYM3S9R39

Filme dos 50 anos da World Wildlife Fund - WWF


Uma pequena curta metragem feita por para comemorar o 50ª aniversário da WWF - World Wildlife Fund mostra algumas das supreendentes espécies animais recentemente descobertas e deixa-nos com uma questão em jeito de desafio: se preservarmos o mundo que temos, quantas mais não poderemos ainda descobrir? 
O site da WWF disponibiliza mais informação sobre a ciência  que está envolvida no filme, as novas espécies recentemente encontradas e uma galeria de imagens com uma aplicação para Ipad para explorar a fundo a riqueza deste pequeno filme. 
Se ficou contagiado pela aventura da descoberta, veja também o site em português da WWF que actua em Portugal desde 1995 através do Programa Mediterrâneo, onde encontrará um programa de voluntariado aberto  candidatos dos 20 aos 27 anos com consciência ambiental e, apaixonados e viciados em tudo o que é Natureza e Ambiente. 
A missão da WWF é travar a degradação do planeta e construir um futuro onde os seres humanos possam viver em harmonia com a natureza promovendo a conservação da biodiversidade, assegurando a sustentabilidade dos recursos naturais e promovendo a redução da poluição e do desperdício.

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Passatempo Vinho Casal Garcia e Tela Bags



Eis mais uma coisa grátis que pode ganhar! O Regulamento para poder participar no passatempo Casal Garcia, que decorre de 18 de Outubro a 25 de Outubro de 2011, e habilitar-se a receber uma Mala Vintage da Tela Bags, é o seguinte:

- ser fã da página Casal Garcia no Facebook;
- ser fã da página Tela Bags no Facebook;
- enviar através do formulário de contacto do site Casal Garcia uma frase onde estejam incluídas as palavras «moda» e «alegria».

Todos os dias (entre 18 e 25 de Outubro de 2011) será escolhida a frase mais original e oferecida uma mala vintage ao seu autor.

Participe!Moda e Alegria com assinatura Casal Garcia!

Truques para reciclar e poupar no Dia das Bruxas

Uma coroa feita com sacos de plástico do lixo, sugestão da Kathi para 
reutilizar materiais baratos e poupar no Dia das Bruxas.

Comer a laranja e reciclar as suas cascas para decorar a casa. 
Adorei estas lanternas, são uma ideia fantástica da 
Suzy´s Artsy Craftsy Sitcom. Nada se perde, tudo se transforma!

Um esqueleto e respetivo caixão, 
projecto da Martha Stewart. É fácil reciclar um par de meias daquelas
bem compridas que já não servem e umas caixas de cartão!

E que tal reciclar rolos de papel higiénico? Um morcego 
com ar maroto para colocar as coisinhas gulosas, 
uma sugestão do Mer Mag

Uma ideia fantasmagórica do blogue Every day is a crafting day. 
Usem um pano velho e goma para fazer fantasmas giros.

Um esqueleto do Pick up some creativity! feito com pratos plásticos.

Caveiras luminosas, uma ideia de Dollar store crafts ou uma maneira
de reciclar embalagens para o Dia das Bruxas!

Mais um esqueleto, este é da Canny Women e 
é feito com embalagens de plástico com alguma dimensão.

Morcegos no jardim, um projecto do site Parents - também dá para 
suspender do tecto, com Bostik e um fio de nylon.

Uma árvore decorada, outra proposta da Martha Stewart. 
O vaso pode ser qualquer outro que considerem conveniente.

Um projecto BHG mais elaborado para fazer em papel mache. 
A receita da pasta encontra-se com facilidade na internet. 


Taças em papier maché para colocar as guloseimas, 
na The long threadAqui a técnica são fitas de papel de jornal 
coladas umas por cima das outras.

Gato feito com meias, Familyfun.go 
Também se pode usar nas portas, embora com menos impacto!

Uma caveira de plástico. Muito fácil e rápido de fazer.


O inverno rigoroso estragou o guarda-chuva? 
Pode agora aproveitá-lo para fazer a sua
fantasia de morcego do Dia das Bruxas

A tradição do Halloween é sobretudo  assinalada nos EUA, na Irlanda e no  Canadá. Mas a Austrália, a Nova Zelândia, países da Europa  também festejam o dia.  Por cá chamamos-lhe Dia das Bruxas. Quando eu era criança nunca ouvi falar de tal dia o que significa que até finais dos anos 80,talvez um pouco mais, o Halloween ainda não tinha chegado a Portugal.

A sua origem está em tradições celtas, era um festival  que assinalava o fim do Verão.  No séc. XVI aparece o nome Halloween , na Escócia.  Os imigrantes da Escócia e da Irlanda levaram consigo as tradições quando foram para os EUA e hoje é um dos mais populares feriados deste país. 

Encontrei alguns números engraçados: 46% dos americanos esculpem abóboras para fazerem as suas lanternas assustadoras. Em 201º registaram uma abóbora que pesava tanto como uma vaca leiteira ou metade de um pequeno automóvel! Ilinóis, Califórnia, Nova Iorque, Ohio, Pensilvania e Michigan são os maiores produtores de abóbora. As abóboras são nativas da América Central e México mas agora crescem em seis continentes. As crianças entre os 5-13 anos são aquelas que vão para a rua pedir travessuras ou gostosuras, o Trick or Treat.  Se os adultos não lhes derem os doces pedidos – treat – elas pregam-lhes uma partida – treat! 72 % dos americanos entregam doces às crianças... São vendidos tantos quilos de doces que chegavam para contornar a Lua 21 vezes se unidos ponta a ponta!e 50% dos americanos decoram os jardins das suas casas para o Halloween. 120 milhões de adultos vestem fantasias e 11, 5 % também vestem os seus animais domésticos especialmente para a ocasião - são inúmeros os modelos disponíveis na Amazon! 

 

A minha sugestão para os meus leitores é terem algumas ideias criativas na manga e para passarem os próximos  fim-de-semana em família a preparar algumas decorações para o Dia das Bruxas - até parece que vai chover pelo que os passeios vão ter de esperar! O mais difícil é arranjar o tempo e ter ideias. O tempo vai surgir se tiverem pensado nisso com antecedência e as ideias encontram-as por aqui. Espero ter conseguido inspirá-los para se divertirem no Dia das Bruxas sem gastar muito dinheiro ao mesmo tempo que reutilizam os desperdícios.


Dados numéricos : Halloween By the Numbers. [Internet]. 2011. The History Channel website. Available from: http://www.history.com/interactives/halloween-by-the-numbers [Accessed 18 Out 2011].

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

O projeto de reciclagem Gênesis de J.Azevedo


J.Azevedo é um jovem brasileiro que cria, como ele próprio diz, "arte diferenciada" a partir do lixo. Desejando contribuir para a educação ambiental de crianças e jovens ele constrói personagens e máquinas dignas de filmes de George Lucas. Crianças e adultos,  ninguém consegue ficar insensível ao trabalho criativo e planos deste versátil e talentoso artista. Vamos todos apoiar Projeto Gênesis!Divulgue!


1. Qual a sua formação e atividade principal?
J.Azevedo:Tenho formação de Ensino Médio e alguns cursos profissionalizantes, Desenhista, Ilustrador, Designer de Moda e Artista Plastico e posso assim dizer um autodidata.Trabalho como designer de moda há 8 anos.




2. Quando e como começou o seu interesse pela reciclagem criativa de materiais?
J.Azevedo:Começou em 2009, quando eu fiz um trem com latinhas para a vitrine de uma loja da empresa que trabalho, era uma campanha para o Dia das Crianças. Uma amiga minha que era vitrinista na época, me deu maior incentivo, pena que a ideia não foi aprovada, no momento fiquei um pouco desanimado, mas depois eu comecei a ver que muitas coisas que eu descartava, até mesmo em minha própria residência, poderiam ser usadas para criar incríveis trabalhos; com isso, comecei a perceber que nem tudo era lixo e sim uma matéria prima riquíssima, a partir dali comecei e não parei mais, como eu já criava meus personagens de massa epóx com detalhes reciclados, vi que poderia criar um projeto bastante inovador, usando somente o material reciclado.


3. Pode-nos explicar o processo de criação em breves palavras? (Como tem a ideia, materiais que usa, tempo que demora a executar, etc?)
J.Azevedo:Geralmente quando recebo um material reciclado seja ele, um frasco de perfume, um mouse ou qualquer outro material, eu começo logo a elaborar uma ideia a partir da forma daquela peça, as vezes crio um esboço inicial pra não esquecer, mas geralmente a peça finalizada nunca fica igual ao esboço inicial, a medida que vou desenvolvendo a peça vou tendo novas ideias. Também busco inspirações em filmes de ficção e na web, o tempo de criação de uma peça varia muito de uma para outra, porque cada peça é única e quanto maior o detalhe mais demorada se torna. Uma mais simples, dependendo da minha inspiração pode durar uma semana.


4. Quais são os seus projectos para futuro nesta área?
J.Azevedo:Pretendo conseguir apoio para abrir minha galeria de arte e oficina , onde eu possa estar ensinando um novo formato de educação sustentável, viajar por vários lugares apresentando meu Projeto, dando workshop e palestra sobre conscientização sustentável, esse é o Projeto Gênesis- conscientizar a todos que ainda há tempo para ajudar a natureza, se cada um de nós fizermos um pouco. Pretendo também lançar um livro ilustrado, com alguns projetos para crianças e ilustrações sobre meio ambiente. Também quero ter meu outro lado, com artes mais conceituadas e elaboradas.


6. Por favor complete esta frase: Podemos mudar o mundo se......fizermos mais pelas pessoas e pelo meio ambiente.


Agradecimentos ao J.Azevedo por ter respondido às minhas questões de forma tão solícita. Votos de muito sucesso para este maravilhoso projecto! Mas não vão já embora daqui sem ver J.Azevedo apresentado o seu trabalho e o robot ECO em acção: ele tem movimento e fala.Vejam os videos seguintes:



terça-feira, 18 de outubro de 2011

Já conhecem a K Stationary?



Hoje escrevo sobre coisas novas que são também coisas solidárias. A K Stationery é uma empresa que foi fundada em 2004  e que desenvolve e comercializa produtos de moda escolar, como mochilas, estojos, capas, cadernos e outros acessórios para utilização na escola.
Os produtos da K Stationary têm conhecidas personagens da moda pois a empresa detém as licenças Hello Kitty, Winx, My Melody, Skelanimals, Noddy, Pocoyo, Shawn the Sheep, Disney, SuperGirl, Transformers, Bakugan, Star Wars entre outras. Desenvolvem e produzem coleções atraentes, usam materiais resistentes e capricham nos detalhes. O resultado final alia funcionalidade e qualidade.





Uma escolha solidária - escolhe com K , o passatempo da K Sattionary em que me inscrevi, era simples.  Escolhíamos um kit de uma daquelas coleções para os nossos filhos e a K Stationary entregava um igual a uma instituição de solidariedade social da nossa escolha, (justificavamos o porquê) caso fôssemos selecionados. Eu escolhi o kit da Airwalk, um marca ligada aos desportos radicais - o skate, surf, snowboard e BMX por entender que os produtos seriam bem resistentes na mão da malta! Selecionei depois a Casa do Gaiato, em Coimbra, para receber o Kit. Ofereci o kit que recebi à Casa do Gaiato e espero que os rapazes tirem bom proveito dos dois! Gostei da forma como a empresa organizou o passatempo, usando regras simples e manifestando consciência social. Agora estou a fazer-lhe publicidade grátis por entender que é justo, não porque me tenha pago para isso. Não sei se sou eu que estou de parabéns se a K Stationary ! Conheçam esta empresa portuguesa do Porto e também a Obra da Rua, a herança do Padre Américo, as casas para rapazes espalhadas pelo país e como preparam para a vida os rapazes que acolhem, também de forma discreta, sem espalhafato mediático e sem escândalos. Por isso eu a indiquei. 

domingo, 16 de outubro de 2011

Inova - Jovens Criativos, Empreendedores para o Século XXI, Concurso de Ideias



É uma iniciativa conjunta do IPJ, I.P. e do IAPMEI, I.P. o "Inova - Jovens Criativos, Empreendedores para o Século XXI, Concurso de Ideias" . Pretende fomentar, em contexto de aprendizagem, uma cultura de inovação, desenvolver uma comunidade de pensadores criativos, promover a difusão dos conceitos de inovação e empreendedorismo entre os jovens, apoiar e premiar novas ideias e abordagens. 
INOVA - Jovens Criativos quer ideias criativas e inovadoras passíveis de implementação, soluções originais para carências locais, regionais ou nacionais. Destina-se a todos os jovens matriculados no 3º ciclo do ensino básico e no ensino secundário: curiosos, inconformados, incomodados, ousados, inovadores, criativos! A participação será a título individual ou em equipa (mínimo de 2, máximo de 3 elementos), as ideias assumirão a forma de propostas redigidas num máximo de 2 páginas. As categorias e áreas temáticas em que se enquadrarão as propostas são as seguintes: 

Categorias  
INOVA a tua Rua!
INOVA o teu Bairro!
INOVA a tua Cidade/ Região! e
INOVA o teu País!,

7 áreas temáticas
Ambiente;
Cidadania;
Comunicação;
Energia;
Entretenimento;
Escola;
Mobilidade e Segurança.


sexta-feira, 14 de outubro de 2011

O Dia Mundial da Normalização é hoje



A International Organization for Standartization (ISO), criada em 1947, é uma organização não governamental sediada em Genebra. Ela é responsável pela elaboração e aplicação dos standards internacionais de qualidade. As ISO são normas técnicas  que orientam as organizações no sentido de obterem uma qualidade crescente em diversos setores - materiais, produtos, processos e serviços. A título de exemplo, as IS0 14000 são um guia para a gestão ecológica e surgiram devido à pressão dos consumidores progressivamente mais preocupados com a actuação das empresas em relação ao meio ambiente. Destinam-se a facilitar a integração de um sistema empresarial de gestão ambiental. A série de normas ISO 14000 visa alcançar três objectivos:
- Promover uma abordagem a nível internacional quanto à gestão ambiental dos produtos;
- Aumentar a capacidade das empresas para a realização de uma performance ambiental e medir seus efeitos; 

- Facilitar o comércio, eliminando as barreiras dos imperativos ecológicos.

Eis a mensagem difundida pela  ISO neste ano -  International Organization for Standardization:

No mundo actual, temos a expectativa de que as coisas funcionarão da maneira que esperamos que elas funcionem.

 Esperamos que ao pegar o telefone sejamos capazes de nos ligar instantaneamente a qualquer outro telefone no planeta. Esperamos ser capazes de nos ligar à Internet e receber notícias e informações, instantaneamente. Quando ficamos doentes, confiamos nos equipamentos médicos utilizados para nos tratar. Quando conduzimos os nossos automóveis, temos a confiança de que os sistemas de gestão do motor, de direção e de freios, e os sistemas de segurança para crianças são confiáveis. Esperamos estar protegidos contra falhas na energia elétrica e os efeitos nocivos da poluição.

 As normas técnicas nos dão esta confiança globalmente. De facto, um dos principais objetivos da normalização é oferecer esta confiança. Sistemas, produtos e serviços desempenham seu papel conforme esperamos devido às características essenciais especificadas nas normas técnicas.

As normas técnicas para produtos e serviços apoiam a qualidade, a ecologia, a segurança, a confiabilidade, a interoperabilidade, a eficiência e a eficácia. Elas fazem tudo isso ao mesmo tempo em que proporcionam aos fabricantes a confiança na sua capacidade de atingir os mercados globais, com a certeza de que seus produtos funcionarão em todo o mundo.

A interoperabilidade cria economias de escala e assegura que os usuários possam obter serviços onde quer que estejam. Assim, as normas técnicas beneficiam consumidores, fabricantes e prestadores de serviço da mesma forma. O mais importante é que, nos países em desenvolvimento, isto acelera a disponibilidade de novos produtos e serviços e incentiva o crescimento da economia.
As normas técnicas criam esta confiança por serem desenvolvidas em um ambiente aberto e transparente, onde cada uma das partes interessadas pode contribuir.

O objetivo dos parceiros IEC- International Electrotechnical Commission, 
 ISO e ITU -International Telecommunication Union, é facilitar e aumentar essa confiança global, de modo a ligar o mundo com normas técnicas.

Em Portugal, o Sistema Português da Qualidade (SPQ) é "a estrutura que engloba, de forma integrada, as entidades que congregam esforços para a dinamização da qualidade em Portugal e que assegura a coordenação dos três subsistemas — da normalização, da qualificação e da metrologia —, com vista ao desenvolvimento sustentado do País e ao aumento da qualidade de vida da sociedade em geral".

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

1º Aniversário Porto Belo - Porto



1º Aniversário Mini Porto Belo no dia 15 de Outubro (Sábado), das 11h30 às 19h00, na Praça Carlos Alberto, no Porto. O Mini Porto Belo é uma edição infantil do Mercado Porto Belo e tem em consideração o espírito do Mercado Porto Belo habitual, o da venda dos mais diversos produtos para todos os gostos, idades e interesses. No entanto, como é dirigido a crianças, tem uma vertente mais lúdica, criativa e espontânea. Pretende-se que sejam as crianças as protagonistas deste evento, que devem começar por definir como querem participar. Já conta com 90 participantes e respectivas famílias, divididos por 3 turnos (11h30 às 13h30, 14h às 16h e 16h30 às 18h30) e é lotação esgotada. As crianças vão vender coisas em 2º mão por 1 euro, apresentar um seu talento, - recitar poemas, oferecer limonada, tudo vale - enfim, colocar a sua criatividade ao serviço de quem passa. O blogue da iniciativa está aqui.

Reciclar cápsulas, caricas ou sameiras

As cápsulas metálicas das garrafas, também chamadas caricas ou sameiras (regionalismo, Porto), pode ser reutilizadas de muitas maneiras. Eis alguns exemplos: arte, jogos infantis, bijutaria, decoração. Inspire-se e mãos à obra!


Os mosaicos de Molly B. Right


Jogo das Caricas, Antiga Portuguesa


Uma colagem da Jennifer.


A proposta da Elizabeth.


Pulseiras da Michelle Bonds





Assobios do Loran Scruggs


Rick Ladd, caricas inspiradas no barroco.








Yoav Kotik, designer em Jerusalém, Precious Metal.


Magnetos para frigorífico, da Pokkuru


Mosaico de J.T.Unger


Um cesto, uma dos projectos da Diana Thorold




Um brinquedo, sugestão The Craft Connection


Uma ideia de Fab Tabulous


Colar do Suma-uma

Outras formas mais elementares de reutilizar as caricas são os jogos e as coleções. Quando eu era criança ainda entrei em corridas de caricas com os meus amiguinhos. Colocávamos casca de laranja para as preencher e assim ficavam mais pesadas. Depois com o dedo indicador e polegar improvisávamos uma espécie de mola, apoiando os restantes dedos ou nos passeios, na pedra lisa, ou em muros bem aparados de cimento... e vai de fazê-las avançar. Também havia quem recortasse figuras, caras de ciclistas ou super heróis, e as colasse dentro das caricas.  Quem se despistasse voltava ao início. Quem cortasse a meta em primeiro ganhava. No Porto as caricas tomam o nome de sameiras. Colecionar caricas era também do agrado da criançada pois eram coloridas e todas diferentes. As marcas incentivaram as coleções estampando bonecos dentro delas. Ainda hoje a atração pela carica não desapareceu.  Mr. K começou por fazer um site para aprender programação e acabou colecionador de caricas - tem mais de 4000! Conheçam esse site com cápsulas de produtores de champanhe do Aube, umas parentes ricas das caricas!E a coleção de caricas do Bert?!



E, para finalizar, deixo a título de curiosidade um anel 2 em 1, ideal para quem quer estar sempre preparado para abrir a sua garrafa de cerveja ou refrigerante: o anel abre-garrafas! Ultimamente têm aparecido garrafas com abertura fácil - o mundo redondinho das caricas também evolui!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...